Jogos Adaptados de Guarulhos: histórias de inclusão e superação.


PREFEITURA DE GUARULHOS.

105-_mg_9744Marco Antônio de Lima Ferreira é um campeão. Ele não bateu nenhum recorde nacional ou mundial. Aos 38 anos, também não é qualquer promessa do esporte. Mas é um vencedor e acumula muitas medalhas, e com muita honra e muito mérito. Com deficiência física e intelectual, tendo de utilizar muletas ou cadeira de rodas para se locomover, participar de algumas atividades já é uma grande vitória.

Marquinhos, como é carinhosamente chamado por colegas e professores, é um dos inscritos para participar do 16º Jogos Adaptados de Guarulhos (JAG), entre os dias 17 e 23 de maio. A programação inclui atividades esportivas e lúdicas destinadas a pessoas com deficiência e física como ele. O evento, dividido entre modalidades competitivas e participativas, recebe todos os anos a presença de cerca de 2.000 pessoas.

O JAG representa uma importante ferramenta para a integração e inclusão social e reúne dezenas de entidades com trabalho direcionado a pessoas com necessidades especiais. Neste ano são 26 instituições inscritas, situadas em Guarulhos, São Paulo, São Sebastião e Mairiporã.

Marquinhos participa dos jogos desde a primeira edição, sempre pela Associação pelos Direitos da Pessoa com Deficiência (ADPD), onde estuda. “É uma emoção única, porque eu gosto de esporte, todo tipo de esporte. É como se fosse a realização de uma vida. Para mim, o que conta é o reconhecimento”, destaca. Ele vai competir na 16ª edição do JAG no jogo de bocha adaptado. Em anos anteriores participou também de outras modalidades, como basquete. “Tenho mais de dez medalhas”, orgulha-se.

Esporte como motivação

02-_mg_9844A dificuldade de locomoção, associada à deficiência intelectual, não impede que Fabiana de Souza, de 39 anos, tenha no esporte uma das principais atividades de lazer. Ela tinha os joelhos em X, fez cirurgia, mas a operação não foi totalmente bem sucedida. Mesmo assim, pratica diversas atividades esportivas e também lúdicas, como a dança. “Me sinto bem, esqueço até da dor”, conta. No JAG, Fabiana marca presença desde a primeira edição e neste ano vai competir nas provas de natação, tênis de mesa e arremesso de peso pela Casa de David, instituição onde é interna desde os 4 anos de vida. No ano passado ela também jogou vôlei e foi campeã com a equipe da entidade, além de ter obtido o vice no tênis de mesa.

Colega de Fabiana na Casa de David, Christian Cursino, de 33 anos, é deficiente auditivo e também intelectual, no entanto, tem boa coordenação motora e bastante poder de observação, o que lhe permite realizar com facilidade diversos movimentos após assisti-los pela TV. “Sou o Michael Jordan 23”, diz, referindo-se ao norte-americano ex-jogador de basquete e seu respectivo número de camisa na NBA (a liga de basquete dos EUA). No JAG, Christian vai mostrar toda a sua habilidade na modalidade, além de competir no vôlei e no tênis de mesa.

Gigante

10-_mg_9953Wladimir Cerqueira é um gigante. Com mais de dois metros de altura e tênis número 54, seus calçados têm de ser encomendados à fábrica. Interno da Casas André Luiz, já chegou a trabalhar na cozinha, mas teve de trocar de atividade devido à falta de material e uniforme compatível com seu tamanho. Apesar de toda sua estatura e os 38 anos de idade, a deficiência intelectual o faz ser uma criança de menos de 4 anos de idade, mais reproduzindo frases do que articulando uma conversação. “Ele só consegue se manter mais conectado no esporte”, explicam os profissionais da Casas André Luiz que o assistem. Participante do JAG também desde a primeira edição, ele já foi campeão no basquete em 2013, quando também sagrou-se cestinha da competição. Em 2014, vai participar do arremesso de peso, da natação e, claro, do basquete.

Paixão nacional

Futebol é definitivamente a grande paixão nacional. E em ano de Copa do Mundo, até quem não acompanha muito o esporte, muda de comportamento e, no mínimo, assiste aos jogos. No JAG, a modalidade também será uma das grandes atrações. Fã de Neymar, Robinho e Kaká, Renan Simplício será um dos competidores do futebol. O jovem de 20 anos tem síndrome de Down e participa há quatro anos do programa Atividade Motora e Esporte Adaptado (AMEA), da Prefeitura de Guarulhos. De acordo com os profissionais que o acompanham, o esporte foi uma ferramenta encontrada para ele controlar a ansiedade. Ele ainda fica ansioso, mas em grau bem menor, principalmente quando chega perto do JAG. Além do futebol, Renan vai competir na natação e no basquete.

O esporte também é o preferido de Paulo Ricardo Santos Machado, de 15 anos, aluno da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae). Com deficiência intelectual leve, ele participa do JAG desde 2011, e nesta edição vai competir no futebol, no atletismo, no vôlei e na natação. Colega e xará do adolescente, Paulo Roberto do Santos, de 43 anos, estará ao lado dele no time de futebol da instituição. Uma febre muito forte quando criança o deixou com sequelas como perda da fala e dificuldade de movimento nas mãos, mas não lhe tirou a paixão pelo esporte. Segundo os profissionais da Apae, onde está desde 1986, Paulo Roberto é bastante competitivo e fica muito chateado com eventuais derrotas.

Anúncios

Sobre claudilsonpezao

Sou Claudilson Leite Pereira, mais conhecido como Pezão. Nasci em Prado (BA), em 15 de julho de 1966. Sou casado e pai de duas filhas. Moro em Guarulhos – SP. Em 6 de fevereiro de 2000 fiquei paraplégico. Apesar da deficiência, comecei a dedicar-me a causas sociais e, em 2003, filiei-me ao Partido dos Trabalhadores, dando início a minha carreira política. Atuo no Setorial da Pessoa com Deficiência, no PT. Cursei Tecnologia em Processos Gerenciais na Universidade Metodista em 2010. Minha história de vida é marcada por superações e conquistas. Fui eleito vereador por Guarulhos, para o mandato de 2013 a 2016. Espero em Deus realizar um trabalho digno que melhore a qualidade de vida das pessoas.
Esse post foi publicado em Acessibilidade, Brasil, Comunicação, Deficiência, Deficiência fisica, Educação, Esporte, Guarulhos, Inclusão social, Lazer, Prefeitura de Guarulhos, Saúde, Saúde e lazer, São Paulo, Serviço social e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s