Inhame, repelente, vitamina B… Veja o que é mito e verdade sobre a dengue.


Do G1, em São Paulo.

Inhame previne a dengue?
Brasil está tendo uma das maiores epidemias da doença.

4100452_x360Este ano, o Brasil está tendo uma das maiores epidemias de dengue. Em São Paulo, a secretaria municipal de Saúde anunciou que a situação é emergencial e que a partir de maio os casos devem aumentar. E a história se repete em várias cidades do Brasil.

E por que o Sudeste tem tanta dengue? De acordo com o doutor Marcos, é porque o Sudeste está tendo a dengue do sorotipo 1, enquanto no resto do país esse sorotipo prevaleceu no ano passado. “O Sudeste não tem imunidade/defesa contra ele. Por isso, as pessoas estão mais suscetíveis a adquirir a doença”, explica.

São vários os mitos sobre a dengue. Nos sites de buscas da internet, a dengue é um tema recorrente. A procura por assuntos relacionados a doença cresceu muito. Uma das dúvidas é sobre o inhame. Ele previne contra a dengue?  especialistas dizem que não. Não há estudo que prove a eficiência do inhame na prevenção. Outra pergunta curiosa é sobre o espirro. Ele significa que você está com dengue? Os médicos alertam que não. O sistema respiratório dificilmente é afetado pela dengue e por isso não deve apresentar problemas.

A vitamina B pode até servir como um repelente, mas teria que ser ingerida em altas doses. Os médicos dizem que para fazer algum efeito, teria que consumir de 10 a 12 comprimidos do suplemento por dia.

4014729_x360Os médicos explicam que existem quatro tipos de dengue. Se você pegar uma, você acaba ficando imune. Mas ainda pode pegar os outros três tipos. E o repelente, funciona? Sim! Os repelentes a base de icaridina são capazes de repelir o mosquito por até 12 horas. Repelentes a base de DEET também repelem, mas por tempo menor.

E quais os sintomas? Dores musculares, dores nas articulações, dor de cabeça, dor atrás dos olhos, náuseas, vômitos e manchas na pele. A febre aparece até os primeiros quatro dias. Aos sentir qualquer um desses sintomas, a recomendação é não esperar para procurar um posto de atendimento médico. Isso porque esses sinais podem aparecer de um dia para o outro. Além disso, o indivíduo deve tomar muita água, até quatro litros por dia. Em casos de muita febre, pode-se tomar paracetamol ou dipirona para baixar a temperatura.

Chikungunya
O mesmo mosquito que transmite a dengue também transmite a chikungunya. Entretanto, existe diferença entre as duas. Na chikungunya, o doente sente muitas dores nas articulações, febre e dor de cabeça. Esses sintomas podem durar até um ano. Além disso, só se contrai uma vez. Já na dengue, o doente também apresenta dores intensas nas articulações e músculos, dor de cabeça, atrás dos olhos, náuseas, febre e manchas na pele. A infecção pode ocorrer até quatro vezes.

4100418_x360

4100369_x360

4100360_x360

 

Anúncios

Sobre claudilsonpezao

Sou Claudilson Leite Pereira, mais conhecido como Pezão. Nasci em Prado (BA), em 15 de julho de 1966. Sou casado e pai de duas filhas. Moro em Guarulhos – SP. Em 6 de fevereiro de 2000 fiquei paraplégico. Apesar da deficiência, comecei a dedicar-me a causas sociais e, em 2003, filiei-me ao Partido dos Trabalhadores, dando início a minha carreira política. Atuo no Setorial da Pessoa com Deficiência, no PT. Cursei Tecnologia em Processos Gerenciais na Universidade Metodista em 2010. Minha história de vida é marcada por superações e conquistas. Fui eleito vereador por Guarulhos, para o mandato de 2013 a 2016. Espero em Deus realizar um trabalho digno que melhore a qualidade de vida das pessoas.
Esse post foi publicado em Blog, Brasil, Dengue, Doença, Guarulhos, Medicina, Saúde, São Paulo, Serviço social e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s