Garoto sem olhos nem nariz faz cirurgia de reconstrução de face.


Do G1, em São Paulo.

O marroquino Yahya El Jabaly, de 3 anos, foi operado na Austrália.
Cirurgiões repararam ‘falha’ no crânio e construíram um nariz.

 

yahya-el-jabalyGaroto Yahya El Jabaly posa com seus pais e com a irmã recém-nascida depois de sua cirurgia: antes, no lugar do nariz, menino tinha orifícios no meio da face, que se uniam ao orifício da boca. Cirurgiões uniram os dois lados do crânio que estavam separados e construíram um nariz (Foto: Moroccan Children’s Appeal/Facebook)

O garoto marroquino Yahya El Jabaly, de 3 anos, nasceu com graves deformidades na face. Sem olhos nem nariz, ele ficou conhecido como o “menino sem rosto”. Agora, depois de ter sido submetido a uma grande cirurgia na Austrália, sua família anunciou que a operação foi bem-sucedida.

Segundo o “Daily Mail”, apesar de o garoto ter uma condição rara, ele era saudável. Mesmo assim, seus pais mantinham a criança em casa temendo que sua aparência chocasse outras pessoas. Além de não ter nariz nem olhos, ele também não tinha o céu da boca, o que o impedia de falar.

A cirurgia só foi possível porque a marroquina Fatima Baraka, que vive  na Austrália e lidera uma ONG para ajudar crianças marroquinas, viu uma foto de Yahya no Facebook e resolveu se mobilizar para encontrar um hospital disposto a fazer o procedimento.

O cirurgião Tony Holmes aceitou o desafio e a família foi levada para a Austrália para que a criança fosse examinada. A cirurgia foi feita no The Royal children’s Hospital, em Melbourne, no final de fevereiro deste ano, segundo a ONG Maroccan Children’s Appeal.

O procedimento durou quase 19 horas. Os cirurgiões repararam uma “falha” que havia em seu crânio, que fazia com que os ossos dos dois lados da face não ficassem unidos, e construíram um nariz para o garoto. Ele pode ter que passar por novas cirurgias para reparar o nariz e para implantar próteses oculares (por enquanto, o garoto continua sem olhos), mas a família está satisfeita com o novo rosto de Yahya, segundo a ONG.

Sobre claudilsonpezao

Sou Claudilson Leite Pereira, mais conhecido como Pezão. Nasci em Prado (BA), em 15 de julho de 1966. Sou casado e pai de duas filhas. Moro em Guarulhos – SP. Em 6 de fevereiro de 2000 fiquei paraplégico. Apesar da deficiência, comecei a dedicar-me a causas sociais e, em 2003, filiei-me ao Partido dos Trabalhadores, dando início a minha carreira política. Atuo no Setorial da Pessoa com Deficiência, no PT. Cursei Tecnologia em Processos Gerenciais na Universidade Metodista em 2010. Minha história de vida é marcada por superações e conquistas. Fui eleito vereador por Guarulhos, para o mandato de 2013 a 2016. Espero em Deus realizar um trabalho digno que melhore a qualidade de vida das pessoas.
Esse post foi publicado em Acessibilidade, Deficiência, Deficiência fisica, Inclusão social, Noticías do Mundo e marcado , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s